Marselha, obra de arte francesa

Marselha estava na rota do Cruzeiro da MSC Preciosa, que fizemos em fevereiro de 2016. Fiquei entusiasmada com a possibilidade de conhecer mais uma cidade do sul da França e principalmente porque sei que Marselha é uma das portas de entrada para a Provence, que eu quero tanto conhecer.

IMG_6081

O navio só ficou ancorado na cidade por poucas horas e infelizmente estava chovendo muito, de forma que apenas circulamos pela cidade, em volta do Porto Velho, ou Vieux Port, e vimos de longe a Basílica de Notre Dame de la Garde, que fica a 149m do nível do mar e de onde dizem, e não duvido, tem uma belíssima vista da cidade especialmente para apreciar o por do sol.

IMG_6071
Vieux Port

IMG_6065

O pouco que vimos foi o suficiente para ficarmos com gostinho de quero mais.

IMG_6061

A rápida passagem pela cidade nos encantou e decidimos que precisamos voltar no final da primavera e início do verão, em junho, porque os campos floridos de lavanda da Provença estão na plenitude de sua beleza, ou no verão quando a cidade oferece muitos atrativos culturais.

IMG_6045

Como ir

Várias são os meios de acesso a Marselha. Eu fui de navio, num cruzeiro, o que é comum, pois a cidade tem vários portos, mas não é a melhor forma, porque o tempo na cidade é muito curto e dá apenas para ter uma idéia do que a região tem a oferecer. Também é possível ir de avião, direto para o aeroporto Marseille-Provence, que liga Marseille a outras grandes cidades europeias; outra alternativa é de trem TGV que leva três horas para Paris e duas horas para Nice.

IMG_6079

Toque pessoal

Marseille é a cidade mais antiga da França, mas é charmosa e romântica, e no pouco tempo que estivemos lá, caminhando por suas ruas que nos remetem a Paris, com a chuva fina caindo no chão espelhado, nos deu a sensação de estar numa daquelas belas pinturas francesas.

Tags:

Deixe uma resposta